Entenda O Porque De O Planejamento Tributario Ser Indispensal Para A Saude Financeira Do Seu Negocio Blog - Nacional Contabilidade

Planejamento tributário – entenda a importância

Entenda como funciona o planejamento tributário e o porquê de ser crucial para a saúde financeira do seu negócio!

Esclareça suas dúvidas sobre o planejamento tributário e descubra como essa ferramenta pode te auxiliar!

O planejamento tributário atualmente é necessário devido à complexa carga tributária que incide sobre as empresas brasileiras.

Esse planejamento engloba um conjunto de sistemas legais com o objetivo de diminuir o pagamento de tributos.

E mesmo no Simples Nacional, muitas dúvidas surgem na hora de cumprir com as obrigações fiscais – por isso o planejamento é necessário.

E mesmo que você, empresário, saiba que são tantas as regras a serem respeitadas, ficará sujeito a multas caso não planeje o pagamento dos tributos.

Assim, além de contar com um contador, é preciso que você conheça pelo menos o básico.

Diante disso, não perca a leitura deste texto.

Planejamento tributário – afinal, do que se trata?

O planejamento tributário consiste no processo de gestão da receita tributária de uma empresa, bem como no estudo da lei para reduzir a carga tributária de uma empresa.

Assim como os administradores gerenciam estoques, vendas, recursos humanos e outras áreas, o cumprimento das obrigações fiscais também deve ser administrado de forma organizada.

Nos dias de hoje, temos quatro grandes regimes de tributação no Brasil, sendo eles:

  • Lucro Real;
  • Lucro Presumido;
  • Lucro Arbitrado;
  • Simples Nacional.

A gestão operacional trata-se dos conhecimentos e dos procedimentos básicos estabelecidos em sua empresa para atender a todos os requisitos legais. 

Ou seja, para cumprir a correta escrituração dos processos e o pagamento dos impostos em dia, é necessário incluir essas tarefas na rotina de trabalho e alinhá-las com a equipe de contabilidade.

Já a gestão do planejamento tributário estratégico faz com que, para tornar os planos operacionais possíveis, primeiro seja desenvolvida uma estratégia.

Como funciona na prática?

A fim de que tudo o que mencionamos seja possível na prática, tudo se dará por meio da classificação da empresa no sistema tributário mais conveniente.

Além disso, é preciso ter  compreensão a respeito de outros aspectos específicos de impostos, dependendo da indústria, da estrutura de capital, da localização geográfica, do recrutamento de recursos humanos e outros.

Em outras palavras, ao contrário do que muitos acreditam, o planejamento tributário é mais do que apenas cumprir as obrigações em dia e registrar receitas e despesas em meio eletrônico. 

Isso porque também abrange entender, analisar, pesquisar e verificar todos os formulários fiscais existentes relacionados ao seu negócio. 

Todas as empresas precisam fazer?

É importante lembrar que o planejamento tributário não é exclusividade das grandes empresas.

De pequenas a grandes empresas com subsidiárias no Brasil, todos podem usar o planejamento tributário como uma ferramenta de redução de impostos, simplesmente realizando essa análise e essa gestão tributária.

O que muda é como aplicar esse plano e, independentemente do tamanho da organização, é possível que ela se encaixe em uma dessas duas grandes esferas nas quais a gestão de tributos pode ser aplicada. 

Conclusão

O planejamento tributário é um método em conformidade com a lei que visa reduzir a carga tributária das pessoas jurídicas.

Ou seja, trata-se de um estudo realizado antes da realização do fato gerador e, na maioria dos casos, a escolha deve ser feita entre a escolha do melhor imposto para a empresa.

No entanto, é preciso ter cuidado para não confundir esse tipo de análise com sonegação fiscal, pois o plano é escolher entre duas ou mais opções legais para minimizar os custos tributários. 

Gostou? Entre em contato ainda hoje e conheça nossos serviços.

planejamento tributário para a saúde financeira do seu negócio!