Terceirizacao Do Departamento Fiscal O Caminho Para Preservar O Dinheiro No Caixa Da Sua Empresa Blog - Nacional Contabilidade

Terceirização do Departamento Fiscal – conheça as vantagens

Entenda agora porque a terceirização do departamento fiscal é o melhor caminho para a saúde financeira!

Manter-se em dia com as questões fiscais da sua empresa é essencial para ter dinheiro no seu caixa

É fato que alguns regimes tributários desburocratizam as tarefas relacionadas a esse aspecto para os empreendimentos, no entanto, muitos ainda optam pela terceirização do Departamento Fiscal.

Isso acontece por vários motivos, sendo um deles a garantia de uma maior assertividade nos procedimentos, diminuindo os riscos de multas e evitando dores de cabeça desnecessárias.

Tudo isso sem mencionar que será possível atender aos clientes internos e externos, dar suporte no pós-atendimento, traçar metas e estratégias para comercialização etc.

Como essas e outras atribuições já consomem a energia dos colaboradores, é muito importante deixar a parte burocrática a cargo de uma empresa terceirizada. 

Para isso, basta escolher profissionais experientes e que vão cuidar bem do seu negócio. Portanto, continue lendo nosso artigo e veja mais detalhes sobre o tema.

Tenha uma excelente leitura!

Terceirização do Departamento Fiscal: uma alternativa para desburocratizar seu negócio

Somada à sobrecarga que os processos contábeis podem gerar aos colaboradores, está a dificuldade de se manter atento a todas as modificações na legislação.

Esse é um ponto que demanda atenção redobrada, já que a não observância de uma lei não anula suas sanções.

Porém, nem sempre as empresas encontram profissionais qualificados para ocupar o cargo de quem precisa estar inteiramente informado.

Dessa forma, uma alternativa é contratar a terceirização do Departamento Fiscal, ação essa que também pode ser definida pelo termo em inglês Outsourcing, utilizado no meio dos negócios.

Resumidamente, é uma alternativa adotada pelas empresas que não dispõem de funcionários gabaritados para assumir determinadas funções.

Nesse sentido, elas buscam por profissionais externos que administrem esse departamento. Inclusive, isso não engloba somente o setor fiscal, mas as mais diversas áreas como:

  • Contábil;
  • Fiscal;
  • Financeira;
  • Recursos Humanos;
  • Controladoria;
  • Tecnologia da Informação;
  • Custos;
  • Jurídica.

Qual a vantagem da terceirização do Departamento Fiscal?

Na prática, a terceirização do Departamento Fiscal pode oferecer diversas vantagens:

  • Reduz os riscos de problemas fiscais;
  • Focaliza as atenções para ações práticas do negócio;
  • Boa estruturação das práticas e dos processos;
  • Controle de incentivos fiscais; 
  • Diminui o pagamento de impostos;
  • Aumenta a qualidade do ambiente de controle.

Quais são as principais funções atribuídas à terceirização?

Nesse momento, você deve estar se perguntando como é possível obter tantos benefícios por meio da terceirização do departamento fiscal, não é mesmo?

Mas não é magia, isso pode acontecer por meio das seguintes funções:

  • Controle de Notas Fiscais; 
  • Planejamento tributário, a fim de reduzir a carga de impostos;
  • Consultoria sobre tributação e leis;
  • Levantamento de impostos e contribuições;
  • Compliance; 
  • Cumprimento das obrigações fiscais;
  • Recuperação de contribuições indevidas;
  • Atuação junto às fiscalizações das três esferas do poder.

A terceirização do departamento fiscal é a melhor saída!

Além de todas as resoluções burocráticas, a terceirização do departamento fiscal pode municiar os empreendedores de informações pontuais, facilitando o seu posicionamento estratégico e o investimento nos produtos ideais.

Quando bem levantados, estes dados podem se tornar grandes aliados das empresas, haja vista que as constantes alterações nas leis vigentes geram muitas dúvidas. 

E é justamente por isso que a terceirização é recomendada, afinal, além de tranquilidade, você pode contar com estes profissionais para alavancar o desenvolvimento do seu negócio.

Portanto, busque uma nova forma de gerir o seu departamento fiscal e livre-se de problemas com os órgãos federais, bem como do prejuízo que as multas podem causar!

A Nacional pode te ajudar a contratar a empresa ideal!

A última boa notícia é que, com o suporte da Nacional, você poderá encontrar uma empresa de confiança, comprometida e totalmente preparada para te atender.

Sendo assim, entre em contato conosco agora mesmo e garanta tudo que uma terceirização de departamento fiscal pode garantir!

Mantenha-se em dia com as questões fiscais da sua empresa

Confira Agora Os Beneficios De Optar Pela Terceirizacao Do Departamento Legal Da Sua Empresa Blog - Nacional Contabilidade

Departamento legal da sua empresa – vale a pena terceirizar!

Confira agora os motivos que tornam a terceirização do departamento legal da sua empresa imprescindível

Garantir a regularidade do seu negócio é apenas uma das vantagens que podem ser obtidas ao contar com o suporte especializado de outros profissionais

Já pensou em adotar a terceirização do Departamento Legal da sua empresa? 

Essa é uma opção muito válida, afinal, esse serviço pode te acompanhar do surgimento ao desempenho diário do seu empreendimento. 

Por isso, ter uma empresa que comande o departamento jurídico de seu negócio pode ser uma excelente oportunidade para alavancá-la. 

Isso sem mencionar que ela pode tranquilizá-lo em momentos específicos, tais como: abertura do CNPJ, ações trabalhistas e em várias outras circunstâncias. 

Além disso, vale mencionar que este apoio jurídico pode acontecer de forma parcial ou completa, de acordo com a necessidade e com o desejo do empreendedor. 

Quer saber mais sobre a terceirização do Departamento Legal? Então confira todas as vantagens apontadas neste artigo!

Confira os principais benefícios de optar pela terceirização do Departamento Legal

Abaixo, estão listados 4 pontos que confirmam as vantagens de confiar a gestão jurídica de sua empresa a profissionais terceirizados.

Confira:

1- Economia operacional 

Neste caso, a empresa só vai arcar com o custo do contrato, que pode ser pago dentro da periodicidade acordada entre as partes. 

Logo, o empreendedor fica isento das despesas com materiais, trabalhistas e, ainda, não vai precisar zelar pela estrutura física. 

Além disso, os custos com capacitações e aprimoramentos profissionais também ficam a cargo dos profissionais terceirizados e, dessa forma, o capital de reinvestimento será maior. 

2- Mão de obra especializada 

As empresas terceirizadas contam com profissionais amplamente capacitados em áreas específicas.

A atuação cotidiana com diferentes situações jurídicas dão a eles a experiência necessária para solucionar qualquer demanda do seu empreendimento nas mais diversas áreas.

Sejam elas:

  • Trabalhista;
  • Civil;
  • Tributária;
  • Contratual;
  • Empresarial.

3- Consultoria on-line

A distância está longe de ser um problema para o bom relacionamento do gestor e dos consultores.

Isso porque a tecnologia facilita os encontros virtuais, possibilitando que os problemas sejam solucionados.

Em algumas situações, pode ser até mais eficaz do que a presencial, já que boa parte das pessoas vivem sem tempo para deslocamentos.

Sendo assim, essa consultoria pode acontecer por meio de telefone, de e-mail, de plataformas de videoconferência, de redes sociais, do Telegram e do WhatsApp.

Isso sem mencionar os canais digitais que garantem a eficiência da comunicação entre as partes.

4- Investimento em tecnologia

Dentro dos escritórios jurídicos que prestam um serviço de terceirização do Departamento Legal de qualidade, estão presentes os mais modernos equipamentos.

Eles investem em softwares de gestão, bem como no sistema de comunicação e em redes de armazenamento.

Tudo isso a fim de oferecer aos seus clientes a confiabilidade e a tranquilidade necessárias para o funcionamento de um negócio.

Além de facilitar a relação por meio de trocas de informações e acessar programas e documentos remotamente.

A terceirização do departamento legal da sua empresa é a melhor solução!

A presença de bons profissionais da área jurídica nos seus negócios diminui os riscos de irregularidades e ajuda a manter o bom funcionamento do panorama da empresa, afinal de contas, é por lá que uma empresa nasce e se desenvolve.

Montar um setor jurídico internamente nem sempre é viável para alguns empreendimentos, dito isso, a terceirização do Departamento Legal é uma solução menos onerosa e garante bons resultados.

Confie seu negócio à responsabilidade de juristas sérios e experientes e fique tranquilo quanto às questões legais.

A Nacional pode te ajudar com essa questão!

Sendo assim, entre em contato conosco, da Nacional! A nossa equipe, altamente qualificada, pode direcioná-lo ao serviço mais adequado para a sua empresa.

Estamos aguardando ansiosos pelo seu contato a fim de colaborar com o crescimento e com a otimização do seu negócio!

Terceirização do departamento legal da sua empresa

Descubra Como Utilizar O Balanco Patrimonial Para Identificar A Saude Financeiro Do Seu Negocio Blog - Nacional Contabilidade

Balanço patrimonial: como usar a favor da saúde financeira

Balanço patrimonial: use-o para medir a temperatura da sua empresa

Entenda como utilizar o balanço patrimonial a favor do financeiro do seu negócio

O balanço patrimonial é um dos mecanismos responsáveis por aferir a temperatura, ou seja, a saúde financeira do seu negócio.

A utilização eficiente dessa fonte pode trazer inúmeros benefícios ao seu empreendimento, e nós falaremos melhor disso na sequência deste artigo.

Afinal, é a partir deste recurso que você terá o domínio sobre as ações, sobre os bens e sobre as obrigações da sua empresa.

Ocorre que os procedimentos são, muitas vezes, demasiadamente burocráticos; neste momento, entra o profissional que pode te ajudar a descomplicar e a manter o controle sobre a sua empresa.

Preparamos um conteúdo exclusivo contendo tudo sobre balanço patrimonial. Vamos lá?

Entenda melhor o que é um balanço patrimonial!

Trata-se de um relatório contábil que contém as movimentações financeiras referentes a um determinado período.

É uma unidade de medida eficaz para apontar o valor dos bens, dos direitos e das obrigações do negócio naquele determinado período.

Existem alguns outros motivos que reafirmam a importância de organizar sua empresa por meio deste processo. 

Vamos, então, conhecer quais são eles e as justificativas que os tornam fundamentais:

1- Conhecer as fontes dos recursos

A rentabilidade da sua empresa se dá pela análise da origem dos recursos. Essa é uma das informações primordiais.

E isso acontece quando as fontes de recurso apresentam um custo menor do que a rentabilidade da aplicação do investimento. 

Uma outra situação que é sempre levada em conta na elaboração de um balanço patrimonial e do DRE é o chamado prazo de maturação dos investimentos, que consiste basicamente em: para investimentos maiores, busque linhas de crédito mais longas.

2- Aferir os principais indicadores 

A situação financeira do seu negócio pode ser calculada de acordo com os indicadores, sejam eles de rentabilidade, de liquidez ou de endividamento.

3- Estruturar as informações de uma empresa

De uma maneira detalhada, listamos três itens que podem facilitar a compreensão do balanço patrimonial da sua empresa. Confira!

  • Ativo

Este item refere-se aos bens e aos direitos acerca da empresa, bem como aos ganhos que podem ser gerados mais à frente.

É tudo aquilo que está sob os comandos da empresa, tais como máquinas, equipamentos…

Os direitos, por sua vez, são toda aquela parte do ativo que não está em posse da empresa. Um exemplo disso são os títulos a receber de clientes.

  • Passivo 

Já este item abarca tudo aquilo que tange dívidas e obrigações financeiras, sendo elas com outras empresas, com colaboradores e até mesmo com a justiça.

  • Patrimônio líquido

Por fim, chegamos à diferença entre a relação ativo x passivo, que trata de todas as obrigações com a sua empresa ou mesmo os recursos próprios dela.

Conclusão

Este artigo trouxe para você a importância de elaborar o balanço patrimonial da sua empresa, bem como os seus benefícios.

Aliado ao Demonstrativo de Resultados, o BP é um grande aliado na mensuração da saúde financeira do seu negócio.

Somado a isso, é a ferramenta que permite ações mais estratégicas a partir de dados pontuais.

Para deixar o seu negócio mais rentável e organizado, procure uma empresa de contabilidade e conheça melhor os processos.

Pare de administrar por meio apenas do conhecimento empírico. Cuide do futuro.

Certifique-se de que o seu empreendimento está no caminho certo e tenha vida longa economicamente.

Utilizar o balanço patrimonial a favor do financeiro do seu negócio

Confira Agora Quais Sao Os Riscos Que Sua Emprsa Pode Estar Correndo Com A Falta De Analise De Sua Documentacao Contabil Blog (1) - Nacional Contabilidade

Falta de análise da documentação contábil – quais são os riscos?

Confira agora quais são os riscos que sua empresa pode sofrer com a falta de análise da documentação contábil

Uma simples negligência pode fazer com que o seu negócio sofra com uma série de problemas que podem até mesmo levá-lo à falência…

Você sabia que os riscos causados pela falta de análise da documentação contábil podem acarretar uma dor de cabeça enorme para sua empresa?

Esses documentos contábeis servem de base para os lançamentos contábeis e para o cálculo de obrigações principais e acessórias na rotina fiscal.

Com isso, eles dizem respeito à movimentação financeira do negócio e, por isso, cada um deles funciona como elemento de comprovação para o registro contábil de sua correspondência.

Além de serem necessários para revisão tributária, esses documentos ajudam na criação de diagnósticos financeiros da empresa.

Assim, ao estabelecer essa documentação, sua empresa garante um olhar aprofundado para o cenário presente.

Portanto, veja os riscos da falta dessa análise a seguir!

Qual a importância da análise da documentação contábil?

Os comprovantes contábeis são utilizados como base para os lançamentos contábeis e para cálculos das obrigações principais e subsidiárias nas rotinas tributárias. 

E, normalmente, eles estão relacionados à situação financeira da empresa, sendo que cada um deles é um elemento de prova dos registros contábeis de sua correspondência. 

Sendo assim, a falta de análise da documentação contábil afeta todos os documentos e todas as informações dos registros contábeis da empresa de alguma forma.

Nesse viés, a análise da documentação terá função de certificar as movimentações e as transações financeiras efetuadas pela organização.

Dentre os principais aspectos, podemos citar:

  • Notas fiscais de entrada;
  • Notas fiscais de saídas;
  • Extratos bancários das contas da empresa;
  • Duplicatas pagas;
  • Canhotos de pagamentos;
  • Cópias de cheques emitidos.

Riscos causados pela falta de análise da documentação contábil

Mudanças constantes na regulamentação tributária criaram um ambiente inseguro entre empresários e autoridades fiscais. 

Isso sem mencionar que o sistema tributário brasileiro é composto por mais de 70 tipos de tributos…

Dessa forma, a falta de análise da documentação contábil atrapalha a conferência dos tributos, de taxas e de encargos.

Afinal, são aproximadamente 180 regras alteradas a cada hora, o que torna o monitoramento tão complicado, tanto que pagar corretamente os tributos pode ser considerado sorte.

Sendo assim, recomenda-se que os documentos sejam arquivados pela ordem da data e da hora.

Há casos em que poderão ser separados e arquivados por mês, por trimestre ou por ano – de acordo com a quantidade de documentos de cada empresa e lançados no livro fiscal por ordem cronológica.

Por fim, vale mencionar que todos nós sabemos que cometer erros faz parte do homem, mas erros de contabilidade podem causar muitos problemas para seus clientes e para sua empresa…

Afinal, estamos lidando com a questão das receitas, de despesas, de tributação e de quaisquer medidas que o governo esteja disposto a tomar para aumentar sua arrecadação. 

Dessa forma, a falta de análise da documentação contábil presente em relatórios, em documentos fiscais ou em declarações de imposto de renda pode levar à falência da empresa.

Como fugir desses riscos?

Os documentos contábeis são documentos usados ​​como base para registros contábeis, e a falta de análise da documentação contábil poderá acarretar um grande prejuízo…

Afinal, ela fará uma estruturação de todos os aspectos relacionados às atividades financeiras da empresa, além do cálculo das obrigações principais e subsidiárias da rotina fiscal. 

Esses documentos não podem conter rasuras, portanto, para arquivos, eles devem ter integridade total. 

Nessa perspectiva, se houver algum dano ou rasgo, a atitude mais segura é reconstruí-los ou substituí-los. 

De acordo com os lançamentos nos livros contábeis, todos devem ser arquivados em ordem cronológica e encerrados por mês, por trimestre ou por ano.

Uma contabilidade pode te ajudar!

A boa notícia é que, com o suporte de uma contabilidade, essas questões serão cuidadas da melhor forma possível!

Portanto, não perca mais tempo e entre em contato conosco, da Nacional, para saber mais sobre como um serviço contábil pode te ajudar.

Estamos mais que ansiosos para te atender a para garantir a assertividade e a segurança que a sua empresa merece!

Análise da documentação contábil

Empresario Entenda Porque Voce Deve Conhecer Bem As Declaracoes Fiscais E Tributarias Blog - Nacional Contabilidade

Declarações fiscais e tributárias – entenda a importância

Entenda a importância de conhecer as declarações fiscais e tributárias a fim de evitar problemas para o seu negócio

Esquecer qualquer uma destas declarações pode gerar um desastre para a sua empresa

Abrir a própria empresa é um sonho comum a um grande número de pessoas que querem a própria independência, mas ter vontade não é o suficiente para abrir, para legalizar e para sustentar uma empresa no mercado.

Para alcançar o sucesso empresarial, é preciso ter muita disciplina, foco e garantir o cumprimento de diversas obrigações fiscais e tributárias exigidas pela legislação brasileira.

Você está disposto a tudo isso em prol da realização do seu sonho?

Então continue a leitura do post e saiba tudo aquilo de que precisa saber sobre declarações fiscais e tributárias.

Tudo aquilo de que você precisa saber sobre declarações fiscais e tributárias

Atender a todas as exigências da Legislação Comercial, do Fisco, do Ministério do Trabalho e da Previdência Social não é uma das tarefas mais fáceis.

Sendo assim, um acompanhamento profissional é fundamental para o desenvolvimento da empresa, já que nem sempre é possível conhecer todas as declarações fiscais e tributárias, bem como acompanhar as constantes mudanças impostas pela legislação.

Dessa forma, o profissional vai auxiliar na elaboração e na execução de um plano orçamentário que facilitará o cumprimento de todas as obrigações.

A fim de que você possa ter ciência da complexidade que é gerir uma empresa, listamos algumas das declarações fiscais e tributárias que farão parte do seu dia a dia:

Livros e SPED Contábil

O livro diário registra as operações diárias da empresa, já o livro razão mostra a movimentação analítica das contas descritas no diário.

Felizmente, hoje em dia é possível que esses lançamentos possam ser apresentados de forma eletrônica pelo SPED Contábil.

IRPJ

Incidente direto da arrecadação das empresas, o Imposto de Renda da Pessoa Jurídica é recolhido pela Receita Federal.

O IRPJ possui diferentes tipos de tributação, podendo ser Lucro Real, Lucro Presumido ou Simples Nacional.

DIRF

A Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte serve para que as empresas informem à Receita sobre a retenção e sobre a identificação do beneficiário.

O atraso ou a ausência do envio dessas declarações obrigatórias repercutem na aplicação de multas.

RAIS

A Relação Anual de Informações Sociais fornece ao Ministério do Trabalho informações sobre as relações de trabalho.

A RAIS deve ser entregue anualmente, mesmo que a empresa não possua funcionários, para que o cálculo do pagamento do PIS seja realizado.

CAGED

O Cadastro Geral dos Empregados e Desempregados tem como finalidade informar ao Ministério do Trabalho todas as movimentações no quadro de funcionários da empresa.

Nessa declaração, devem constar todas as demissões, as admissões e as transferências de funcionários e devem ser mensalmente informadas por meio eletrônico.

Você consegue lidar com as declarações fiscais e trabalhistas sozinho?

Ficou assustado com a quantidade de declarações fiscais e tributárias que devem ser apresentadas aos órgãos regulamentadores?

A intenção não era assustar você, mas sim te deixar ciente da dificuldade que é deixar uma empresa de pé.

Sendo assim, saiba que contar com bons profissionais para melhor te auxiliarem na gestão da sua empresa pode levar sua empresa a conseguir destaque no segmento em que atua.

Afinal, o sucesso de uma empresa depende diretamente das ações assertivas tomadas pelo seu gestor.

A Nacional pode te ajudar!

Portanto, não perca mais tempo e entre em contato conosco, da Nacional, agora mesmo!

Nossos profissionais altamente qualificados podem te direcionar à contabilidade mais capacitada para cuidar das declarações fiscais e tributárias por você!

Sendo assim, utilize os meios de comunicação disponibilizados em nosso site e fale com um de nossos especialistas agora mesmo!

Estamos te aguardando!

Evitar problemas para o seu negócio

Confira Agora O Porque De O Parcelamento De Contribuicoes Ser Uma Otima Alternativa Em Tempos De Crise Blog - Nacional Contabilidade

Parcelamento de contribuições – como funciona?

Descubra agora por que o parcelamento de contribuições é uma ótima alternativa para o seu negócio!

Em momentos de crise, é preciso aproveitar o máximo de alternativas possíveis para se regularizar

Você sabe o que é parcelamento de contribuições?

Trata-se de um acordo celebrado com a finalidade do pagamento parcelado das contribuições e das demais importâncias devidas e não recolhidas na época correta.

Ou seja, é uma benfeitoria oferecida pelos órgãos de arrecadação e de fiscalização tributária cuja proposta é recuperar impostos apurados, informados e não pagos.

Afinal de contas, por conta da alta carga tributária e das adversidades que muitos sofrem, alguns tributos podem não ter sido recolhidos em seu vencimento, e esse atraso poderá gerar autuações fiscais, bloqueios de certidão e outras sanções.

E para que o pior não ocorra, o parcelamento é uma alternativa para que o contribuinte possa regularizar sua situação perante os órgãos de arrecadação.

Veja mais a seguir!

Parcelamento de contribuições

O parcelamento de contribuições é uma prática adotada pelos órgãos de arrecadação de impostos e de devedores. 

Com ele, é possível normalizar as dívidas da empresa devedora, melhorando, assim, a tributação nacional. 

Além de alocar dinheiro extra, o Fisco também esqueceu uma grande parte dos juros para que pessoas físicas e jurídicas possam pagar. 

Sendo assim, os seguintes tipos de dívidas podem ser reembolsados ​​em prestações:

  • Contribuições Federais – PIS, COFINS, CSLL, IRPJ;
  • Contribuições Estaduais ICMS, IPVA, ITR;
  • Contribuições Municipais – ISS, IPTU;
  • Débitos trabalhistas, como o INSS, recolhido pela Receita Federal;
  • FGTS, de competência da Caixa Econômica Federal.

Parcelamento de contribuições – como funciona?

Em relação à dívida federal, além das demais dívidas já mencionadas, o REFIS pode parcelar o INSS.

Aqui temos as dívidas quitadas pela empresa, as dívidas retidas pelos funcionários e não repassadas aos órgãos cabíveis de parcelamento de contribuições.

As contribuições mensais não pagas do FGTS podem ser divididas pela diferença do valor apurado pelo empregador no atraso no pagamento e nas demais fontes de salários e de verbas rescisórias. 

Embora o foco seja nesses dois tributos, outros tributos (como PIS, COFINS, IRPJ, CSLL, Simples Nacional, ICMS e ISS) também podem ser alvo de parcelamento.

No entanto, a norma para a desoneração tributária é de responsabilidade do órgão da administração tributária, por exemplo, a SEFAZ do ICF e o município do ISS.

Sendo assim, o parcelamento de contribuições é um procedimento muito particular de cada contribuinte. 

Dica: parcelar débitos inscritos em dívida ativa possibilita o parcelamento de débitos previdenciários e não previdenciários inscritos em dívida ativa.

Por fim, vale salientar que tudo isso pode ser feito caso o saldo devedor a ser parcelado seja igual ou inferior a um milhão de reais.

As vantagens de contar com o parcelamento de contribuições

Se o parcelamento de contribuições for realizado de forma correta e no momento ideal, pode trazer muitos benefícios a quem optar por realizar esse processo. 

O primeiro grande benefício é a redução de juros e de multas de pagamento, afinal alguns procedimentos de parcelamento podem reduzir esses valores em até 100% e reduzir a taxa de desconto com o aumento do prazo de parcelamento. 

Além disso, é necessário analisar a possibilidade de reinvestir os recursos utilizados para quitar dívidas da empresa a fim de melhorar seu fluxo de caixa. 

Dessa forma, você pode utilizar o valor para outros fins relacionados à operação do seu negócio. 

Por fim, esse processo também pode normalizar impostos e parcelar de acordo com a situação real da empresa.

Isso sem mencionar que a regularização coloca as obrigações tributárias sobre os passivos suspensos. 

A Nacional pode te ajudar!

Gostou deste conteúdo? Então entre em contato conosco, da Nacional, ainda hoje e conheça nossos serviços!

Estamos mais que prontos para te auxiliar com essa e com outras questões fundamentais para sua regularidade e sucesso.

Até logo!

Parcelamento de contribuições é uma ótima alternativa para o seu negócio!

Descubra Agora O Por Que Nao Analisar Suas Transacoes Financeiras Pode Causar Um Grande Desperdicio De Capital Blog (1) - Nacional Contabilidade

Analisar suas transações financeiras – qual a importância?

Descubra agora por que não analisar suas transações financeiras pode causar desperdício de capital

Realizar uma boa análise de suas movimentações financeiras é fundamental para garantir sucesso em seu negócio

Se você quer obter lucro para o seu negócio, então precisa investir tempo para analisar suas transações financeiras. 

Afinal, por meio dos resultados obtidos é possível perceber se a sua empresa está no caminho certo para o sucesso ou se há riscos para o seu negócio. 

Sendo assim, uma boa gestão consiste em tomar decisões que tenham como base a realidade da sua empresa; por isso, analisar os resultados é tão importante. 

Quer aprender mais sobre esse assunto? Então continue lendo o texto abaixo com bastante atenção! 

Analisar suas transações financeiras: conheça 3 benefícios para o seu negócio

Todo gestor precisa de informações atualizadas e consistentes sobre a sua empresa, pois só assim ele conseguirá tomar decisões mais acertadas. 

Em detrimento disso, é importante que uma equipe especializada assuma essa responsabilidade para saber como estão os negócios. 

Afinal, muitos são os benefícios que a ação de analisar suas transações financeiras pode trazer para o seu negócio.

Veja agora os 3 principais e como eles podem trazer resultados satisfatórios:

Aumento dos lucros

Esse é um dos maiores benefícios que podem ser obtidos pelo gestor que toma a iniciativa de analisar suas transações financeiras. 

Os resultados obtidos serão usados para a tomada de decisões mais acertadas, permitindo maior economia e maior crescimento.

Além disso, é possível perceber quando as vendas não estão trazendo os resultados esperados. 

Dessa forma, é possível traçar estratégias que possam aumentar as vendas e consequentemente os lucros. 

Elaboração de um plano estratégico eficaz

A fim de elaborar um plano de ação, é preciso obter informações concretas e atualizadas sobre a real situação do seu negócio. 

Ao analisar suas transações financeiras, você poderá conhecer a realidade do seu negócio e, assim, traçar estratégias eficazes.

Elas terão como base o resultado da análise. Ou seja, se está tudo bem, é hora de pensar em crescimento. 

Se as vendas não estão boas, essa é a oportunidade de traçar estratégias para mudar a situação. 

A eficácia do plano de ação se torna muito maior, uma vez que ele foi baseado nos resultados da análise das transações financeiras. 

Maior controle sobre as finanças da empresa

Um empreendedor que não conhece a real situação das finanças de sua empresa corre o risco de se perder com as contas. 

Os erros mais comuns são:

  • Gastos excessivos;
  • Produção desnecessária;
  • Ausência de um plano de vendas;
  • Dívidas fora do controle;
  • Dificuldade em manter o pagamento dos tributos em dia.

Se esses erros não forem corrigidos o mais rápido possível, a empresa começa a perder sua capacidade de sobrevivência.

O resultado pode ser a dificuldade para manter as contas em dia e consequentemente a falência. 

Não há forma mais eficaz de manter o controle sob as finanças da sua empresa, se não por meio de uma boa análise financeira.

O que você está esperando para analisar suas transações financeiras?

Se você é um gestor, então certamente sabe da necessidade de manter as contas em dia. 

Portanto, analisar suas transações financeiras é o caminho para conseguir informações concretas a fim de tomar decisões. 

Sem contar que se torna possível pensar em estratégias para mudar a realidade do seu negócio, aumentando as vendas e, também, o lucro.

Diante disso, não perca mais tempo, promova a análise das transações financeiras da sua empresa e tenha muito mais tranquilidade para gerir o seu negócio.

Uma contabilidade pode te ajudar nessa tarefa!

Como mencionamos, contar com o suporte de profissionais para realizar essa tarefa é fundamental para obter resultados ainda mais efetivos.

Portanto, não perca mais tempo e entre em contato conosco, da Nacional, para saber mais sobre as formas como um serviço contábil pode colaborar para o sucesso do seu negócio.

Até logo!

Garantir sucesso em seu negócio

Descubra Se Uma Fusao Empresarial E Uma Alternativa Vantajosa Blog - Nacional Contabilidade

Fusão empresarial: entenda se é vantajosa

Fusão empresarial: é uma vantagem fazer isso?

Entenda como funciona a fusão empresarial e se essa é ou não uma possibilidade vantajosa para o seu negócio

A fusão empresarial é uma alternativa muito válida para que empresas possam melhorar sua atuação no mercado. 

Geralmente, a fusão acontece entre empresas que atendem o mesmo nicho, o que torna o atendimento ao cliente muito mais eficaz, sem contar com o aumento das oportunidades de atuação no mercado.

Dessa forma, uma única empresa terá um campo de atuação muito maior, aumentando seus ganhos. 

Quer conhecer um pouco mais sobre esse assunto? Então continue lendo o texto abaixo com bastante atenção. 

Fusão empresarial: conheça as principais vantagens

O processo de fusão empresarial acontece mediante a celebração de um acordo registrado em contrato, com suas condições especificadas. 

Nele, é preciso fazer a soma de todo o patrimônio de cada uma das empresas e alterar o regime jurídico atual. 

Sendo assim, as empresas deixam o regime jurídico individual e passam a fazer parte de um novo regime de sociedade.

Desde então, os deveres e os direitos passam a ser de responsabilidade de ambos.

Diferente do que muitas pessoas pensam, a fusão de empresas não é algo negativo, visto que pode trazer grandes vantagens. 

Veja abaixo quais são elas: 

Aumento da competitividade no mercado

Com a fusão empresarial, há também a união dos clientes de duas ou mais empresas, ou seja, haverá um público muito maior a ser trabalhado. 

Como resultado, haverá maior possibilidade de vendas, portanto, o momento passa a ser de investimento em estratégias de vendas e de marketing. 

Menor risco diante do mercado

A fusão empresarial tem como grande vantagem começar uma empresa com experiência de mercado. 

Ou seja, os gestores já são experientes, o que contribui para que a gestão do novo negócio seja muito mais eficaz. 

Dessa forma, tendo por base a experiência anterior, tomar as decisões certas e fazer o planejamento estratégico de ação torna-se muito mais fácil. 

A nova empresa será muito mais forte, uma vez que se uniu à outra, resultando em uma organização muito mais preparada para enfrentar os desafios do dia a dia. 

Conclusão

O número de empresas que fazem a fusão empresarial cresceu bastante nos últimos anos, justamente pelas vantagens que podem ser obtidas. 

Sem contar que a nova empresa poderá atuar no mercado de forma muito mais segura e com grandes chances de obter êxito. 

Por isso, não se assuste ao perceber grandes empresas optando por essa mudança e se tornando uma nova gigante no mercado.

Se você tem uma empresa e percebeu que pode se unir à outra e, assim, aumentar suas chances de crescimento no mercado, procure a orientação de um profissional de contabilidade. 

Para isso, você pode nos contatar para receber as orientações necessárias e realizar essa mudança com total segurança.

Possibilidade vantajosa para o seu negócio

Descubra Agora Como Aumentar O Valor De Mercado Da Sua Empresa Blog - Nacional Contabilidade

Aumente o valor de mercado da sua empresa agora mesmo!

Aumente o valor de mercado da sua empresa com nossas dicas poderosas!

Algumas simples ações podem mudar os resultados do seu negócio para melhor!

A fim de que você aumente o valor de mercado da sua empresa, é preciso, além de investir em marketing, ter um serviço de qualidade.

Nesse sentido, ter produtos de qualidade, atendimento de qualidade e um marketing efetivo, é de extrema importância nesse processo.

Esse aumento é uma estratégia excelente para conseguir, também, ótimos investidores para o seu negócio.

Sendo assim, não existe nada mais gratificante para um empreendedor do que ver o seu negócio não apenas crescer, mas ver o valor da sua empresa aumentar.

Dito isso, continue conosco até o fim do artigo, pois iremos lhe dar dicas sobre como aumentar o valor da sua empresa no mercado! 

Aumente o valor de mercado da sua empresa

As estratégias no mundo empresarial são totalmente necessárias, haja vista que são elas que te ajudarão a bater as suas metas e os seus objetivos. 

Nesse sentido, iremos elencar neste artigo algumas estratégias para que você aumente o valor de mercado da sua empresa. 

Porém, crescer o valor de mercado de qualquer empresa não é de uma hora ou de um dia para o outro, muito pelo contrário, exige dedicação e disciplina também.

Em outras palavras, é um verdadeiro desafio, e todos os empreendedores devem estar atentos a isso e aprender a elevar todo o valor de seu negócio.

Afinal, é dessa forma que será possível alcançar os objetivos empresariais da sua empresa, como também lucrar com a sua empresa e aumentar o seu valor de mercado.

Fica a ressalva de que esse processo, como dito há pouco, não é rápido, mas tem um prazo médio e longo, por volta de 6 meses e de 12 meses.

Aumente o valor de mercado da sua empresa com estas dicas

1- Ter um bom controle financeiro

Organização é tudo nesse processo, pois, a fim de que você aumente o valor de mercado da sua empresa, é preciso conhecer suas finanças, ou seja, os valores que entram e que saem. 

Só assim você poderá cortar os gastos desnecessários e, a partir disso, investir com mais qualidade.

2- Ter uma equipe qualificada e engajada com a causa

Essa dica se aplica a todos os negócios, mas deve ter uma atenção maior em relação ao aumento de valor de mercado.

Apenas com uma equipe qualificada e com expertise você pode oferecer um atendimento de qualidade, prestar um serviço com eficiência e ser reconhecida por isso.

3- Reveja os seus valores

Reavaliar o preço do seu produto ou de seu serviço e reajustá-lo é importante após avaliar os custos.

4- Estratégia de marketing

Uma estratégia eficaz atrai clientes, e novos consumidores são sinal de aumento de receita.

5- Overdelivery

Encante o seu cliente e, através disso, fidelize-o! 

Entregar mais do que se pede faz a diferença.

É preciso focar para garantir os resultados esperados!

Em suma, neste texto, você pode ver dicas matadoras que irão te auxiliar, servir de apoio e fazer com que você aumente o valor de mercado da sua empresa. 

Estar atento a essas dicas e aplicá-las fará uma grande diferença no seu negócio e te ajudará a escalar não apenas as suas vendas, mas também o seu valor no mercado.

Essas dicas estão relacionadas não apenas à empresa, mas também aos clientes, porque é através deles que o seu aumento vem de forma exponencial.

Por isso, foque nessas dicas, coloque-as em prática e aumente o valor de mercado da sua empresa.

Uma contabilidade pode te ajudar nessa tarefa!

E é claro que, para que você tenha o tempo necessário para cuidar dessas questões, é preciso contar com o suporte de uma contabilidade.

Afinal, esses profissionais focarão nos seus números e nas suas obrigações e, assim, fornecerão a tranquilidade de que você precisa para que aumente o valor de mercado da sua empresa.

Portanto, não perca mais tempo e entre em contato conosco, da Nacional, agora mesmo para ser direcionado a uma contabilidade capaz e focada em seu sucesso!

Aumente o valor de mercado da sua empresa

Conheca Os Processos Para Realizar Uma Contratacao De Funcionarios Da Forma Adequada Blog (1) - Nacional Contabilidade

Contratação de funcionários: conheça o processo

Conheça as etapas necessárias para uma contratação de funcionários impecável para o seu negócio!

Descubra o que é preciso realizar para garantir uma contratação de funcionários adequada

É natural que, a princípio, algumas empresas pensem que a contratação de funcionários é um processo rápido ou até mesmo simples.

Entretanto, a realidade é que trata-se de uma jornada que exige alguns cuidados, como a descrição da vaga, os requisitos para o cargo, a preparação da entrevista, as dinâmicas, entre outros detalhes. 

Nesse sentido, a empresa precisa ter muito bem definido o que espera do seu futuro colaborador, bem como alinhar o que ele espera da empresa.

Dessa forma, é possível evitar muitos problemas que podem vir a surgir no futuro por causa de alguma má compreensão acerca da vaga, por exemplo.

Todavia, a fim de entender melhor como funciona esse processo, continue com a leitura do texto, pois o preparamos especialmente para te orientar em relação a essa questão!

Contratação de funcionários: quais são os processos?

Como falamos acima, é muito importante que a empresa tenha muito bem definido o que deseja do futuro colaborador, como também mostrar o que se espera dele.

Sendo assim, isso deve ser evidenciado por meio de uma boa descrição da vaga.

E isso é importante para que estejam claras quais serão as atribuições do funcionário, bem como os requisitos necessários para se fazer parte do quadro de funcionários.

Por isso, estar atento aos detalhes, definir muito bem a vaga e também o perfil do profissional que está sendo buscado são ações muito importantes.

Esses fatores irão conduzir não apenas o chefe do setor, mas também a equipe de RH a fazer escolhas assertivas durante o processo de contratação de funcionários.

Iniciando a busca da contratação de funcionários

Antes de abrir o processo de contratação de funcionários, você deve definir:

  • O perfil ideal para a vaga;
  • A capacidade técnica exigida;
  • As ferramentas e as experiências;
  • O padrão da equipe de que ele fará parte.

Nesse sentido, logo após esses processos definidos, a empresa deve saber como será feito o processo seletivo e, assim, separar fase por fase.

Após a etapa do processo seletivo, as atividades todas executadas e escolhido o candidato que será contratado, está na hora de resolver a documentação.

Dessa forma, a situação do novo colaborador estará regulamentada e ele poderá iniciar e realizar suas atividades.

A contratação de funcionários e o planejamento

Com tudo o que evidenciamos ao longo deste artigo, fica perceptível que, para realizar a contratação de funcionários, é necessário planejamento:

  • Fazer a definição das etapas do processo;
  • Descrição da vaga (como falamos anteriormente);
  • Anúncio da vaga;
  • Triagem dos currículos de cada participante;
  • Entrevista prévia (algumas empresas fazem perguntas breves);
  • Agendamento da entrevista;
  • Aplicação de testes;
  • Por fim, a escolha – que, aliás, é uma das partes mais importantes. 

Conclusão

Neste texto, você pôde acompanhar que o processo de contratação de funcionários não é tão simples como muitas pessoas imaginam.

Nesse sentido, como visto ao longo do texto, existem muitas etapas que exigem um cuidado minucioso por parte não apenas do RH, mas também do responsável para auxiliar na descrição da vaga e também no momento de fazer a escolha do funcionário que melhor se enquadra – e claro, não apenas no setor, mas também na empresa como um todo, o que é muito importante, uma vez que o colaborador fará parte da empresa.

Assim, poderá ser trabalhada a retenção de talentos, bem como o investimento de capital humano.

Contratação de funcionários impecável para o seu negócio