CONHECA AS DIFERENTES NATUREZAS JURIDICAS ANTES DE ABRIR SUA EMPRESA - POST

Abrir uma empresa: conheça as naturezas jurídicas

Conheça agora as diferentes naturezas jurídicas, antes de abrir a sua empresa!

Para abrir uma empresa de forma legal, é preciso conhecer as diferentes naturezas jurídicas

Para abrir uma empresa, é importante conhecer os principais tipos de naturezas jurídicas do Brasil: EI, EIRELI, Sociedade Limitada e Cooperativa. 

A classificação da natureza jurídica de uma empresa é o que permite aos órgãos públicos o enquadramento fiscal correto. Além disso, o planejamento tributário, direitos e deveres estão ligados a essa definição e precisam se pautar por ela.

Dessa classificação, caracterizam-se as leis de restrição correspondentes e os programas de incentivos que contemplam o tipo jurídico escolhido.

Abrir um negócio não precisa ser motivo de estresse além do comum, basta contar com a assessoria competente.

Vai abrir uma empresa e precisa saber mais? Leia as informações do artigo.

Como abrir uma empresa e definir natureza jurídica

Abrir uma empresa gera preocupação, mas é possível simplificar o processo.

O máximo de conhecimento sobre as questões burocráticas pode ser o diferencial nas tomadas de decisões práticas para o empreendimento. 

O importante é seguir o passo a passo orientado por um profissional competente e definir corretamente a natureza jurídica do negócio.

Informar-se, analisar as opções também são aspectos fundamentais para começar bem no mercado.

As etapas para abrir uma empresa são básicas e pedem a assistência de um contador. Incluem:

  • Contrato Social; 
  • Registro na Junta Comercial;
  • Alvarás;
  • Inscrição Estadual;
  • Licenças e inscrições nos órgãos de regulação.

Vai abrir uma empresa? Escolha a natureza jurídica adequada!

Conhecer os tipos de natureza jurídica existentes no Brasil é essencial para compreender o universo dos empreendimentos:

  • Empresário Individual (EI): o empresário individual atua como pessoa física, não faz distinção entre seus bens e os da empresa e não possui CNPJ;
  • Empresário individual de responsabilidade limitada (EIRELI): contempla diversas áreas de atividade, é de origem recente, 2011, e oferece liberdade para escolher a tributação conveniente;
  • Sociedade limitada: empreendimento realizado por duas ou mais pessoas, descrito no contrato social, que inclui atos constitutivos, operação, normas e capital social;
  • Cooperativa: reúne pessoas com interesses e habilidades em comum para empreender e obter vantagens econômicas e financeiras.

Há distinção entre a natureza jurídica e o porte que classifica as empresas pelo faturamento em: MEI, ME e EPP.

Todas as decisões devem basear-se em informações pontuais sobre a empresa, ou seja, porte e capital social investido.

É importante compreender que os diferentes aspectos se relacionam e que natureza jurídica, capital social e o porte podem ser modificados.

De acordo com evolução do empreendimento, o MEI pode tornar-se uma Microempresa, pois o tipo jurídico pode ser alterado sem complicações.

A assessoria contábil eficiente orienta o empreendedor para decidir de forma conveniente sobre todos os quesitos.  

Um contador pode te ajudar!

Existem muitos detalhes técnicos e burocráticos que precisam ser considerados na hora de abrir uma empresa.

Por isso, o conhecimento de um contador experiente auxilia o empreendedor a definir o tipo jurídico e o porte de seu empreendimento.

Esse conhecimento é valioso para organizar a empresa nos aspectos fiscais, financeiros e nas possibilidades de contratação de pessoal.

Além de assistir e ajustar sua empresa aos moldes que se encaixa, um profissional irá ajudá-lo a gerenciar seus empreendimentos com êxito.                          

Conheça nossa equipe e peça uma consultoria técnica agora para abrir uma empresa.

QUERO ENTRAR EM CONTATO!