Descubra Tudo De Que Voce Precisa Saber Sobre A Declaracao De Impostos De Renda Pessoa Juridica Irpj Blog - Nacional Contabilidade

Declaração de Imposto de Renda de Pessoa Jurídica IRPJ: tudo que você deve saber

Tudo sobre a declaração de imposto de renda de pessoa jurídica – IRPJ

Entenda como funciona a declaração de imposto de renda de pessoa jurídica – IRPJ e como se manter em dia com essa questão!

A declaração de Imposto de Renda de Pessoa Jurídica – IRPJ é uma obrigação de todo empreendimento cujo CNPJ esteja ativo.

Dentro deste contexto, existem algumas exceções ao cumprimento deste tributo federal.

A alíquota recolhida vai depender do regime tributário que cada empresa se encontra.

A divulgação de informações incorretas e o descumprimento da obrigação acarretam multas que vão incidir até a regularização.

Apesar da simplificação dos processos por meio da tecnologia, a declaração de Imposto de Renda de Pessoa Jurídica IRPJ ainda gera muitas dúvidas.

Por isso, levantamos uma série de informações que vão te deixar por dentro de cada detalhe referente ao IRPJ.

Declaração de Imposto de Renda de Pessoa Jurídica IRPJ: entenda sua definição, bem como seus enquadramentos 

O Imposto de Renda Pessoa Jurídica IRPJ é um tributo cobrado das pessoas jurídicas que é revertido para a sociedade.

Abaixo, você confere três tópicos que vão tirar todas as suas dúvidas com relação ao tributo. 

 1- O que é declaração de Imposto de Renda de Pessoa Jurídica IRPJ?

Trata-se de tributo federal, conforme o  Art. 153, Inc. III da Constituição Federal.

O IRPJ incide sobre os lucros obtidos por pessoas jurídicas. Em resumo, é uma obrigação direcionada a todo empreendimento que possui uma receita.

2- A quem é devido o IRPJ? 

Resumidamente, todas as empresas inscritas no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) e que estejam em funcionamento têm a obrigação de pagar tributo IRPJ. 

Entretanto, há algumas exceções. São as instituições:

  • filantrópicas
  • recreativas
  • culturais
  • científicas 

Estes são regimes que pela legislação estão isentos do IRPJ.

Algumas atividades desempenhadas por pessoas físicas, também estão dispensadas desta obrigação.

Entre elas estão: dentistas, veterinários, professores, economistas, jornalistas, pintores, escritores… 

Na legislação está discriminado ainda, quais as empresas se enquadram nos quesitos de obrigatoriedade, sejam elas pessoas jurídicas, ou empresas individuais. 

A descrição completa encontra-se no site da Receita Federal.

3- Qual a importância de pagar IRPJ? 

A declaração de Imposto de Renda de Pessoa Jurídica IRPJ é um instrumento eficaz no aquecimento da economia. 

Este montante recolhido é revertido em ações em benefício da sociedade em todas as esferas.

O IRPJ pode ser observado no desenvolvimento social da nação, sendo utilizado nos principais pilares do desenvolvimento que são: saúde, educação e segurança.

Por este e por vários outros motivos é que o recolhimento deve ser feito em dia.

Da mesma forma que acontece com os outros impostos, tais como: 

  • II- Imposto sobre Importação;
  • IPI- Imposto sobre Produtos Industrializados;
  • Cofins- Contribuição para Financiamento da Seguridade Social. 

Conclusão

Mais que uma responsabilidade, a declaração de Imposto de Renda de Pessoa Jurídica IRPJ é uma devolução de parte dos impostos cobrados à sociedade.

O descumprimento de obrigações fiscais e tributárias pode também gerar multa ao empresário.

Ou seja, além de causar retrabalho, vai doer no bolso.

Entendemos que se trata de um procedimento delicado e que exige cautela, por isso, é importante optar por uma empresa de contabilidade.

Não apenas para cumprir uma obrigatoriedade, mas para ter tranquilidade na gestão dos processos burocráticos do seu negócio.

Procure por profissionais responsáveis que possam apresentar soluções práticas a você.

Evite transtornos! 

QUERO AJUDA COM MINHA EMPRESA

Adicione um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *